90 TI – Quais as vantagens do projeto estrutural para a construção?

Parceiro

O projeto estrutural é uma das partes mais importantes de qualquer obra, independentemente do seu porte. Afinal, é ele que ajudará o engenheiro a dispor de uma série de informações preliminares capazes de influenciar até mesmo no valor a ser cobrado pelo projeto, além de contribuir para a economia de materiais e oferecer mais agilidade produtiva.

Quer entender como o projeto estrutural pode ser o diferencial das suas obras? Então confira o nosso conteúdo que está show!

O que é um projeto estrutural?

Em resumo, o projeto estrutural (também conhecido como cálculo estrutural) é definido pelo conjunto de informações a respeito do dimensionamento de toda estrutura que fará parte de uma edificação. Nesse sentido, podemos incluir tudo referente a:

  • vigas;
  • lajes;
  • estruturas metálicas;
  • pilares;
  • fundação;
  • alvenaria estrutural.

Com isso, a ideia é que o projeto estrutural seja utilizado como um instrumento cujo objetivo é trazer mais segurança na condução da obra, economia no planejamento do orçamento e na própria resistência e durabilidade do empreendimento.

Por que o projeto estrutural é importante?

O projeto estrutural é importante para dar mais segurança e também colaborar na redução de custos de realização da obra, entre muitos outros aspectos.

A importância do projeto estrutural se define por:

  • obter precisão nos cálculos, sendo capaz de evitar custos desnecessários para a conclusão da obra;
  • ajudar a evitar erros de dimensionamento, que podem apresentar problemas em revestimentos ou mesmo no teto e paredes da estrutura;
  • ajudar na escolha dos melhores recursos e suas aplicações, assegurando a máxima qualidade possível na obra;
  • ser requisito para aprovação em prefeituras;
  • possibilitar uma previsão de futuras ampliações;
  • ser compatível com outros projetos da obra;
  • definir o melhor sistema estrutural para as edificações;
  • possibilitar a racionalização no uso de materiais;
  • promover o posicionamento correto das peças estruturais;
  • seguir à risca as normas técnicas.

A parte da profissão que se dedica ao projeto estrutural é chamada de engenharia estrutural. E é graças a esses conhecimentos que se determina fatores como: materiais e geometria de elementos estruturais capazes de fazer uma ponte aguentar o tráfego ou um prédio muito alto suportar um terremoto, por exemplo.

Você gostou deste conteúdo?
Clique aqui para ler a matéria inteira.